Portão de Brandemburgo

with Nenhum comentário
Portão de Brandemburgo

Um dos mais importantes monumentos de Berlim, um símbolo da divisão da cidade, com mais de 200 anos de história, e que atrai turistas de todo o mundo.



Entrada para a grande avenida de Unter den Linden e para a Pariser Platz, o portão foi erguido entre 1788 e 1791, segundo o projeto de Carl Gotthard Langhans, inspirado no Propyläen de Atenas. No alto, a escultura Quadriga, que representa a Deusa da Vitória, uma obra de Johan Gottfried Schadow, data de 1793.

Durante a Guerra Fria, o portão ficou no meio do que ficou conhecido como "no-man’s land", "terra de ninguém", simbolizando a divisão entre a Alemanha Ocidental e a Oriental, um "símbolo da liberdade roubada".

Richard von Weizsäcker, presidente da Alemanha de 1984 a 1994, dizia: "A questão alemã permanecerá aberta enquanto o portão estiver fechado". 

O Portão tornou-se o símbolo da liberdade e da reunificação alemã quando o muro foi derrubado em novembro de 1989 e as pessoas puderam passar de um lado para outro, muitos reencontrando amigos e parentes há muito separados.

Milhares de pessoas foram ali comemorar. Lembro-me de ter visto a festa pela tv, de ter ficado profundamente emocionada e ter dito: um dia ainda vou conhecer este lugar. Esse dia chegou apenas em 2005 e foi uma visita tão impressionante quanto o que vi naquele dia.

O muro foi aberto oficialmente em 22 de dezembro de 1989

GALERIA

Passe o mouse nas imagens para ver a descrição ou clique para aumentar.

Comentários