O Botín, ou Sobrino del Botín, fundado em 1725, é o restaurante mais antigo do mundo segundo o livro Guinness de recordes.

O site oficial nos conta sua história: o edifício já existiria em 1590, mas com a função de hospedagem. Por volta de 1620, após uma grande reforma na Plaza Mayor, as ruas vizinhas ganharam nomes dos trabalhos que se realizavam ali (sapateiros, curtidores, ferreiros etc.) e numa delas, a Calle Cuchilleros (cauteleiros), estabeleceu-se o cozinheiro francês Jean Botín, casado com uma asturiana, que desejava trabalhar para algum nobre. Em 1725, um sobrinho de sua esposa abriu uma pousada na Calle Cuchilleros, reformando o edifício. Desta data restam hoje uma pedra na entrada do restaurante, bem como o forno a lenha.

No século XIX é efetuada nova reforma, mas o restaurante era considerado como uma “casa de comida”. É que o termo restaurante só era usado por poucos estabelecimentos.

No século XX, o restaurante passa para as mãos da família Gonzalez, seus atuais proprietários, funcionando apenas no térreo. O segundo e o terceiro andar eram destinados à família. 

Com a Guerra civil, o restaurante foi convertido em refeitório da milícia e o negócio só foi realmente retomado após o seu fim.

Atualmente o restaurante possui 4 andares, conservando a decoração da antiga pousada.

Sua especialidade é a cozinha castelhana, com destaque para os assados de cordeiro e o leitão, que são dourados no antigo forno a lenha.

Estive no Botín num verão e estava bem cheio. Como na maioria dos restaurantes conhecidos, aconselho reservar; caso contrário, ou você vai esperar muito ou simplesmente terá que voltar um outro dia.

Passe o mouse nas imagens para ver a descrição ou clique para aumentar.

 

 


Calle Cuchilleros, 17 - Madri, Espanha  /  Tel. +34 913 664 217, +34 913 663 026

Restaurante Botín